São Paulo oscila muito e é surpreendido por Brasília

20.02.2021  |    215 visualizações

Depois de um primeiro tempo primoroso, Tricolor desanda

Da Redação, São Paulo (SP) - O São Paulo F.C./Barueri oscilou bastante e foi superado por Brasília, no ginásio José Côrrea, em Barueri. A equipe do Distrito Federal, que luta desesperadamente para conservar a oitava colocação e avançar aos play-offs, venceu por 3 a 1, com parciais de 16-25, 25-18, 25-22 e 25-23. Com esse resultado, o sonho de subir da sexta para a quinta colocação fica mais distante.

No primeiro set, o Tricolor deu a nítida impressão de que reeditaria suas melhores atuações, mantendo a pegada da vitória anterior, sobre o poderoso Sesi Vôlei Bauru. Jogando um voleibol praticamente perfeito, que começava com um saque muito bom, capaz de desestabilizar o passe adversário, o São Paulo deu show, com distribuição inteligente da levantadora Jacke e atuações destacadas de Karina, Maira e Lorena, sobretudo, no contra-ataque.

Na parcial seguinte, o jogo mudou da água para o vinho. O nível do saque do São Paulo caiu, e a equipe voltou a errar bastante – no segundo set, foram dez pontos dados de graça para o adversário. A atacante Neneca começou a sacar quando o placar estava 10 a 7 e só saiu no 14 a 7. Com o passe na mão, a experiente levantadora Ju Carrijo mostrou o que é capaz de fazer e botou a atacante Ariane, que estava mal, no jogo – trata-se da maior pontuadora da Superliga.

Abatido, o São Paulo tentou se manter no páreo sustentado por seu notável volume de jogo. Nyeme chegou até a fazer uma belíssima defesa com o pé. No entanto, o time da casa continuou errando além da conta – no segundo set, cedeu dessa forma oito pontos ao adversário. Motivadas, as jogadoras de Brasília mantiveram a guarda alta e conseguiram sustentar a vantagem, que chegou a quatro pontos (22 a 18), encaminhando a vitória.

José Roberto Guimarães recorreu ao banco – manteve Kisy no lugar de Lorrayna, botou Kenya e também Glayce para jogar. Mas em nenhum momento o Tricolor conseguiu retomar o grande voleibol do primeiro set, a despeito de bons momentos, como um ace de Maira e de ótimos bloqueios de Lorena.

O São Paulo volta a jogar na próxima terça-feira, contra o São Caetano, no ABC.

 

ELENCO

#1 Dani Terra - Líbero 1,68
#2 Diana - Meio 1,91
#4 Maira - Ponta 1,85
#5 Glayce Kelly – Ponta 1,85
#6 Nyeme - Líbero 1,75
#7 Lorrayna – Oposta 1,86
#8 Jheovana - Ponteira/Oposta 1,91
#9 Kisy - Oposta 1,89
#10 Lorena – Meio 1,90
#11 Karina – Ponta 1,79
#12 Larissa - Meio 1,88
#13 Jacke - Levantadora 1,74
#14 Kenya – Levantadora 1,85
#15 Duda – Levantadora 1,85
#16 Carol - Ponta 1,92
#18 Dani Seibt - Meio 1,88

Média de altura: 1,85

Média de idade: 21 anos

Comissão Técnica:

Técnico – José Roberto Lages Guimarães 
Assistente Técnico – Wagner Luiz Coppini Fernandes 
Auxiliar Técnico – Alexandre Santos Gomes 
Preparador Físico – Caique Bonafe Botelho Naipe e Eduardo Fernando Cianci Gomes
Médico: Julio Cesar Carvalho Nardelli 
Responsável Fisioterapeuta – Fernando Alves Fernandes
Fisioterapeuta – Daniel Hideki Kan 
Estatístico – Fabio Rafael Simplício e Luciano Tavares Lima 

SUPERLIGA BANCO DO BRASIL 2020/21

FASE CLASSIFICATÓRIA

10/11 – Fluminense 0 x 3 São Paulo F.C./Barueri (13-25, 19-25 e 23-25)

13/11 – São José dos Pinhais 1 x 3 São Paulo F.C./Barueri (14-25, 25-27, 21-25 e 16-25)

17/11 – São Paulo F.C./Barueri 0 x3 Osasco São Cristóvão Saúde (22-25, 20-25 e 21-25)

20/11 –São Paulo F.C./Barueri 2 x 3 Sesi Vôlei Bauru (23-25, 20-25, 25-19, 20-25 e 11-15)

23/11 –São Paulo F.C./Barueri 0 x 3 Itambé/Minas (15-20, 20-25 e 23-25)

01/12 – São Paulo F.C./Barueri x Dentil Praia Clube (26-24, 21-25, 25-21 e 25-22)

04/12 - Brasília Vôlei 1 x 3 São Paulo F.C./Barueri (23-25, 25-21, 25-13 e 25-18)

08/12 - SESC RJ/Flamengo x São Paulo F.C./Barueri (25-14, 26-24 e 25-17)

12/12 – São Paulo F.C./Barueri 3 x 0 São Caetano (25-11, 25-14 e 25-12)

18/12 – Esporte Clube Pinheiros 2 x 3 São Paulo F.C./Barueri (25-21, 25-20, 17-25, 22-25 e 8-15)

23/12 – São Paulo F.C./Barueri 3 x 2 Curitiba Vôlei (21-25, 26-24, 22-25, 25-22 e 15-5).

12/01 – São Paulo F.C./Barueri 3 x 0 São José dos Pinhais (25-19, 25-22 e 25-21)

15/01 – Osasco São Cristóvão Saúde 1 x 3 São Paulo F.C./Barueri (21-25, 25-21, 25-23 e 25-14)

26/01 –Itambé/Minas 3 x 0 São Paulo F.C./Barueri (25-20, 25-17, 25-20)

29/01 –São Paulo F.C./Barueri 3 x 0 SESC RJ/Flamengo (25-13, 25-21 e 25-16)

08/02 –São Paulo F.C./Barueri 3 x 0 Fluminense (25-13, 25-22 e 25-11)

12/02 – Dentil/Praia Clube 3 x 0 São Paulo F.C./Barueri (25-20, 35-33 e 25-9)

16/02 – 19h – Sesi Vôlei Bauru 2 x 3 São Paulo F.C./Barueri (17-25, 25-18, 23-25, 25-23, 13-15)

20/02 – São Paulo F.C./Barueri 1 x 3 Brasília Vôlei (25-16, 18-25, 22-25 e 23-25)

23/02 – 20h – São Caetano x São Paulo F.C./Barueri (Canal Vôlei Brasil)

 

 

 

Leia também...
18.03.2021

Tricolor não resiste a jogo praticamente perfeito da forte equipe mineira

17.03.2021

Com equipe titular coesa e força que vem do banco, São Paulo vai para o tudo ou nada no segundo jogo do confronto com equipe mineira, que teve o horário antecipado

14.03.2021

Tricolor quase conseguiu a primeira vitória sobre o Praia Clube na Superliga

13.03.2021

Adversário será o Praia Clube, terceiro colocado na fase de classificação