Flamengo e Minas Tênis se destacam nas competições por equipes infantis

02.10.2021  |    237 visualizações

No individual geral, Pedro Henrique Silvestre, do Centro Olímpico, expande sua coleção de conquistas

Da Redação (SP) - Depois das competições por equipes e individual geral adultas do Campeonato Brasileiro Loterias Caixa de Ginástica Artística, o sábado foi reservado para as disputas da categoria infantil no ginásio Constâncio Vieira, em Aracaju. No feminino, assim como já ocorrera na categoria adulta, o grande destaque ficou por conta do Flamengo, que conquistou o título por equipes, as duas primeiras colocações na categoria Individual Geral na Subdivisão 10 e 11 anos, com Isabel Aguilar Ramos e Nicole Bello de Campos, e o título do Individual Geral na Subdivisão 12 anos, com Gabriela Bouças Vieira.

No masculino, o Minas Tênis Clube, que também havia conquistado o título na competição adulta por equipes, repetiu a façanha no infantil. No individual geral, os campeões foram Tiago Marson Capella, do Pinheiros (12 anos) e Pedro Henrique Silvestre, da Adeco (14 anos).

Daniela Antunes, treinadora do Flamengo, destacou a união dos treinadores do clube da Gávea. “Estamos muito felizes com o resultado. Nesse período de retomada das atividades presenciais, conseguimos manter as crianças no ginásio. Essa competição está sendo a realização de um grupo de treinadores muito unido”, disse a treinadora, que tem destacado o entusiasmo das ginastas após as conquistas de Rebeca Andrade nos Jogos Olímpicos de Tóquio. Segundo Daniela, as meninas melhoraram o desempenho nas atividades.

Pedro Henrique, da Associação Desportiva Centro Olímpico, de São Paulo, já tem uma longa lista de conquistas em sua curta carreira: títulos brasileiros na categoria pré-infantil e infantil em 2018, infantil em 2019 e infantil e juvenil em 2021. “Estou muito feliz com essa vitória. Mais um troféu que vai pra estante. Aqui também pude reencontrar amigos de outros clubes, manter os laços de amizade”.

Já Tiago Capella, sem tantas conquistas no currículo, estava com vontade redobrada de chegar ao mais alto degrau do pódio. “Em 2019 eu não pude competir, porque tinha quebrado um braço. Em 2018 competi no pré-infantil e fiquei em quarto lugar. Agora estou muito feliz de ter conseguido ficar em primeiro, é uma sensação muito boa”, disse o ginasta do Pinheiros.

Como não poderia deixar de ser, Rodrigo Thurler Ferreira, treinador do Minas Tênis Clubes nas categorias pré-infantil, infantil e juvenil, estava exultante com as façanhas da agremiação de Belo Horizonte. “Estamos muito felizes com essas conquistas nas categorias infantil e adulta. Temos um olhar muito atento para a base da ginástica brasileira. Trabalhamos forte para, no futuro, podermos dar continuidade aos grandes resultados que temos no adulto”.

O treinador destacou a capacidade de trabalho da ginástica brasileira durante os meses mais conturbados do período de pandemia. “A gente trabalhou muito online, o que não é fácil num esporte como a ginástica. Felizmente pudemos manter os ginastas em atividade e depois demos continuidade aos treinamentos no ginásio”, acrescentou Thurler.

RESULTADOS

COMPETIÇÃO POR EQUIPES FEMININA INFANTIL

1º) Flamengo – 375.925 (Gabriela Bouças Vieira, Isabel Aguiar Ramos, Julia Veselich Vasconcellos, Larissa Kelly de Oliveira, Maria Educarda Montesino Pinto, Maria Luisa Marinho Barros)

2º) Grêmio Náutico União-RS – 349.300 (Francine Luise Dias de Oliveira, Julia Fracasso Fraga Vazquez, Laura Paim Vilella, Maria Eduarda Ferreira Andrade, Nicole Bello de Campos)

3º) CEGIN-PR – 344.525 (Giovana de Oliveira Martins, Laura Cecilia de Souza Kreusch, Rebecca Rochele Menezes Silva)

 

INDIVIDUAL GERAL FEMININO INFANTIL – 10 E 11 ANOS

1º) Isabel Aguilar Ramos (Clube de Regatas do Flamengo) – 125.37

2º) Nicole Bello de Campos (Grêmio Náutico União-RS) – 116.125

3º) Sophia Carvalho dos Santos (Associação Desportiva Centro Olímpico-SP) – 110.025

 

INDIVIDUAL GERAL FEMININO INFANTIL – SUB 12 ANOS

1º) Gabriela Bouças Vieira (Clube de Regatas do Flamengo) – 122.550

2º) Larissa Kelly de Oliveira (Clube de Regatas do Flamengo) – 121.475

3º) Giovanna de Oliveira Martins (Centro de Excelência de Ginástica do Paraná) – 120.850

  

COMPETIÇÃO POR EQUIPES MASCULINA INFANTIL

1º) Minas Tênis Clube – 508.075 (João Pedro Coelho da Silva, Caio Gomes de Araújo Pereira, Diogo Augusto Sousa Silva, Felipe Ma e Silva, Gabriel Barbosa Guimarães, Ivan Botelho Cunha de Oliveira)

2º) Esporte Clube Pinheiros-SP- 491.850 (Eduardo Cintra Belli, Federico Lupi, Kadu Nunes Zambon Minardi, Ryan Botelho Mendes e Tiago Marson Capella)

3º) Associação Desportiva Centro Olímpico-SP – 491.350 (Artur Borges dos Santos, Matheus Velsch Pochini e Pedro Henrique Silvestre

 

INDIVIDUAL GERAL MASCULINO INFANTIL – SUB 12 ANOS

1º) Tiago Marson Capella (Esporte Clube Pinheiros) – 161.575

2º) Diogo Augusto Sousa Silva (Minas Tênis Clube) – 159.750

3º) Rafael Passos Araújo (Clube de Regatas do Flamengo) – 157.250

INDIVIDUAL GERAL MASCULINO INFANTIL – SUB 14 ANOS

1º) Pedro Henrique Silvestre (Associação Desportiva Centro Olímpico) – 178.350

2º) Caio Fernandes da Silveira (Grêmio Náutico União) - 166.875

3º) Eduardo Cintra Bello (Esporte Clube Pinheiros) – 166.875

 

Leia também...
25.11.2021

Atletas e treinadores celebram notícia do atendimento de antiga reivindicação no dia do aniversário da CBG

25.11.2021

Tradicional competição de conjuntos marca também o aniversário da CBG

24.11.2021

De 23 a 17 de novembro em Florianópolis

19.11.2021

Rayan e Dutra ficaram em sétimo lugar no sincronizado; Camilla faz balanço positivo