Programa de Ética e Integridade realizou ação com delegação que fez estágio no Rio

25.03.2022  |    347 visualizações

Atletas da Ginástica Artística Masculina e seus treinadores assistiram a palestras sobre integridade, antidoping e construção de imagem pública

Da Redação (SP) - O Programa de Ética e Integridade da Confederação Brasileira de Ginástica realizou mais uma ação no dia 19 de fevereiro. O público foi formado pelos atletas e treinadores da Ginástica Artística Masculina que se reuniram no CT Time Brasil, no Rio de Janeiro, para o primeiro Estágio de Treinamento do ano.

A ação consistiu em uma série de três palestras, conduzidas por Paulo Schmitt, Consultor Jurídico e de Integridade da CBG, pelo médico Fernando Gaya Soléra, presidente da Comissão Antidopagem da entidade, e por Glória Andrade, assessora de imprensa da Confederação.
Schmitt explica o que é o próprio conceito de integridade e a função do Programa de Ética e Integridade. “A integridade é a qualidade daquilo que é integro,inteiro. E se tem uma coisa que é inteira é a honestidade, a transparência, a governança, o compliance. Essas são questões muito claras e importantes que norteiam a política dentro da organização CBG. Temos a face interna, regulada por todos esses princípios, e a face externa, que muitas vezes não gostamos de falar, mas temos que falar e enfrentar. É um conjunto de ações de combate à fraude, abusos, assédios, violências, preconceito, manipulações e doping. São temas que afligem o esporte no mundo e a ginástica”.


Soléra repassou aos atletas um conjunto de informações extremamente úteis. Um dos pontos abordados em sua exposição é a série de cuidados que devem ser adotados quanto ao consumo de suprimentos, que são responsáveis por grande parte de casos de doping involuntário que ocorrem no esporte. “A indústria que fabrica suplementos não sofre a mesma fiscalização que a indústria que produz fármacos. A Confederação não proíbe que os médicos receitem suplementos. Se tiverem receitado, o atleta terá que comprar duas embalagens do mesmo lote. Vai ficar caro? Vai, mas é fundamental que seja assim. É necessário pedir nota fiscal em seu nome, e na nota fiscal deve constar também o número do lote. É necessário comprar em loja física. Guarde a outra embalagem de mesmo lote lacrada. É dessa forma que você conseguirá juridicamente se defender caso apareça um resultado positivo devido à utilização de suplemento”.


Glória Andrade abordou outro assunto fundamental: a construção de imagem dos atletas e treinadores. “O título da nossa palestra é ‘Construindo Imagens que Geram Valor’. Procuramos mostrar à comunidade gímnica a importância de se zelar pela imagem. Isso passa pela conduta com a imprensa, por cuidados com postagens em redes sociais, atendimento aos fãs. Nosso esforço vai no sentido de mostrar que a imagem é um ativo muito importante na carreira de um ginasta, tem um peso determinante para a obtenção de patrocínios individuais, e vai além de seu período como atleta profissional”.

Leia também...
14.08.2022

Competição exibe talentos lapidados na base da modalidade

14.08.2022

Rebeca competiu nos quatro aparelhos pela primeira vez desde os Jogos Olímpicos; no masculino, Caio Souza conquista quatro medalhas de ouro

11.08.2022

Rebeca Andrade voltou a apresentar sua série de solo, ao som de "Baile de Favela"

10.08.2022

Rebeca Andrade, Arthur Zanetti e Arthur Nory estarão em ação na Arena de Esportes da Bahia, em Lauro de Freitas