CBG e Loterias Caixa firmam parceria fundamental para a ginástica

03.05.2021  |    491 visualizações

Recursos contemplarão desde a base, promovendo inclusão social, até o alto rendimento

Da Redação (SP) - É com muito orgulho que a Confederação Brasileira de Ginástica anuncia uma nova parceria, com as Loterias Caixa. O contrato se estenderá até o final do próximo ciclo olímpico. Os recursos serão provenientes do Fundo de Desenvolvimento das Loterias. De todos os recursos arrecadados com as vendas de produtos lotéricos, 48% são destinados a programas de educação, esporte, cultura, segurança e seguridade social.

A CAIXA foi o principal patrocinador da CBG, de 2006 até este ano, justamente o período mais vitorioso da Ginástica Brasileira em toda a sua história. Ao longo desses 15 anos, os dois parceiros alcançaram inúmeras conquistas memoráveis, como a primeira medalha da história olímpica do Brasil na ginástica, nos Jogos de Londres, em 2012. Na edição seguinte do evento, a ginástica foi uma das modalidades que deram ao Brasil o maior número de medalhas: três.

Em Mundiais, desde 2006, o Brasil conquistou 11 medalhas. Nos Jogos Pan-Americanos, o avanço também é inegável. Na edição de Lima, em 2019, a modalidade conseguiu o maior número de medalhas de sua história: 16.

O suporte prestado envolve a ginástica como um todo: desde a base até o alto rendimento. Nos Centros de Excelência Loterias Caixa de Ginástica, a parceria tem um papel fundamental, que é a promoção da inclusão social de crianças e adolescentes por meio da prática de atividades gímnicas, beneficiando direta e indiretamente milhares de famílias.

Com a parceria também é possível promover cada vez mais o desenvolvimento da Ginástica Brasileira, a partir de pilares como o apoio aos atletas, treinadores e equipes multidisciplinares integrantes das Seleções, realização de Eventos Nacionais Competitivos e de Capacitação, participação em Campeonatos Internacionais, assim como as inúmeras ações visando ao contínuo crescimento da modalidade.

O presidente da Caixa, Pedro Guimarães, reconheceu o papel social desempenhado pelo esporte. “A ginástica é muito mais do que um esporte, é uma forma de inserção social de tantas crianças do nosso País. É uma modalidade que gera para a sociedade retorno social e financeiro”.

Guimarães diz que a CBG comprovou, com números, o impacto social proporcionado pelo investimento na modalidade. “Com todo o seu profissionalismo, a CBG foi a primeira entidade a comprovar, matematicamente, que existe esse retorno”.

Por todos esses motivos, e muitos outros, a presidente da CBG, Luciene Resende, comemora a celebração da parceria. “As Loterias Caixa serão nosso parceiro tanto em conquistas que recebem a luz de holofotes como também no esforço para fazer da ginástica um esporte cada vez mais inclusivo. Com o apoio, erguemos 15 Centros de Excelência Loterias Caixa de Ginástica e temos conseguido levar a modalidade para todas as regiões do País, contribuindo para a inclusão e formação de milhares de cidadãos brasileiros”.

 

Leia também...
14.06.2021

Ginastas brasileiras conseguiram cinco dos seis ouros que estavam em jogo na GR no domingo

13.06.2021

Equipe brasileira termina em primeiro lugar no quadro de medalhas, com três medalhas de ouro e uma de prata

13.06.2021

Série mista garante equipe nacional em Tóquio

12.06.2021

Série mista garante equipe nacional em Tóquio